IMPRENSA

Gratidão a Deus e emoção marcaram cerimônia de batismo na IBC Bagé-RS

Galeria de Fotos

No último domingo (27), foi realizado o batismo de 12 novos membros no templo da IBC Bagé. O ato foi também de agradecimento a Deus e de grande emoção por parte da Igreja, quando o pastor Gideão introduziu seu filho, pastor Joézer Muniz ao batistério e também desceu às águas seu segundo neto, Melk Muniz da Silveira. Em gratidão a Deus o pastor escreveu:


“Encerramos o mês da festividade de 77 anos de nossa amada Igreja Batista Conservadora com a extraordinária alegria e gratidão a Deus, mais 18 novos membros, 12 por batismo, dois por testemunho e 4 por reconciliação. As orações de nosso fundador, o missionário Jonh Sjöberg, em 1939, no alto cerro de Bagé estão em memória perante Deus e o Senhor continua acrescentando o número de salvos. Bendito seja o Senhor nosso Deus Amo o rebanho que Deus me tem confiado. Muita felicidade em entrar com meu filho, pastor Joézer ao tanque batismal e iniciá-lo no ofício ministerial do batismo, recordando quando no começo de meu ministério também entrei com meu pai, pastor João Muniz para batizarmos. Um misto de muitas saudades e gratidão a Deus por ver a benção do sacerdócio se perpetuando em nossa família. Transmitindo a herança de fé do nosso pai Abraão, benção que também recebi de meu saudoso pai, abençoei meu filho e seu ministério em nome do Deus Todo Poderoso. Foi um dia muito especial e a alegria foi completa, também pelo fato de batizar mais um membro de nossa família sacerdotal, o neto Melk Muniz. Bendito seja o Nosso Deus, cuja a promessa diz: ‘E todos os teus filhos serão discípulos do Senhor, e a paz de teus filhos será abundante” (Isaías 54:13). Aleluia! ‘Porque dele, e por ele, e para ele são todas as coisas; glória, pois a ele eternamente. Amém’ (Rom. 11: 36)”.
Os irmãos que foram batizados são: Adriano Peixoto, Luciane Peixoto, Alessandro Carpes, Briana Moraes, Melk Muniz da Silveira, Carlos Alexandre Moreira, Gerson Neto, Huryan Tavares, Jordana Malaguês, Leandro Nunes, Mary Anne Medeiros e Wellington Pires. Também foram recebidos por testemunho os irmãos Ricardo Gonçalves e Thiago Eliézer de Quadros.