IMPRENSA

O que é Diabetes (glicose alta/ açúcar no sangue)?

Galeria de Fotos

 

            O Diabetes Mellitus é uma das DCNT que mais avança no mundo. Estima-se que cerca de 250 milhões de pessoas apresentem esta doença no mundo e 10 milhões que correspondem a 4% no Brasil. Conforme dados da Sociedade Brasileira de Diabetes, 33% dos brasileiros entre 60 e 79 anos de idade têm diabetes ou alguma alteração relacionada à glicose.
Existem tipos diversos de diabetes, mas dois deles são os mais comuns: o tipo 1, em torno de 8% dos casos, que começa na infância e adolescência e não tem muita relação com a hereditariedade. Nestes casos a doença se deve à destruição das células do pâncreas produtoras de insulina que é um hormônio sintetizado no pâncreas e que é encarregado pela redução da taxa de glicose no sangue.
Alguns sintomas do diabetes tipo 1: vontade de urinar diversas vezes; fome freqüente; sede constante; perda de peso; fraqueza, fadiga, nervosismo, mudanças de humor; náuseas e vômito.
O tipo 2, o mais comum de todos, que ocorre em mais de 90% dos casos, tem relação significativa com a genética, com o envelhecimento, o excesso de peso e o sedentarismo. Nestes casos existe uma resistência à ação da insulina no organismo. Precisamos estar atentos pois como nestes casos muitas vezes a pessoa não tem muitos sintomas, não é diagnosticado e tratado corretamente e os danos causados pela doença mal controlada, na maioria, são silenciosos, ou seja, ocorrem lentamente sem que a pessoa perceba e procure um profissional de saúde e é sempre melhor evitar complicações do que combatê-las.
Alguns sintomas do diabetes tipo 2: infecções freqüentes; alteração visual (visão embaçada); dificuldade na cicatrização de feridas; formigamento nos pés; furúnculos.

Ter a doença e não fazer o acompanhamento e tratamento adequado pode levar a cegueira, amputação de membros, insuficiência renal, derrame cerebral, disfunção erétil, úlcera(ferida) nos pés, depressão, entre outros problemas.

Todos nós devemos estar atentos, principalmente as pessoas com história familiar de diabetes, com mais de 40 anos e obesas.

Dicas importantes para prevenção e controle do diabetes:
• Manter o peso normal;
• Não fumar;
• Controlar a pressão arterial;
• Praticar atividade física regularmente.
• Realizar exame diário dos pés para evitar o aparecimento de feridas;
• Manter uma alimentação saudável;
• Manter um bom controle da glicemia;
• Procure o profissional de saúde e peça orientação quanto a sua alimentação;
• Compareça às consultas regularmente.
• NÃO ABANDONE O TRATAMENTO.
• USE A MEDICAÇÃO CONFORME A PRESCRIÇÃO.